Home / notícias / Aos 73 anos, Dona Milta aprendeu, através do vôlei adaptado, que não há limites para novas descobertas

Aos 73 anos, Dona Milta aprendeu, através do vôlei adaptado, que não há limites para novas descobertas

DSC_0419Dona Milta Ferreira dos Santos tem 73 anos, dona de casa, mãe de seis filhos e mais recentemente atleta. Há pouco menos de um ano descobriu no vôlei adaptado uma nova paixão. Nem mesmo o dedo quebrado durante um treino a fez desistir da prática do esporte.

“Eu nunca imaginei na minha vida que poderia jogar vôlei. Nunca pratiquei atividade física, mas agora não fico sem, nem mesmo com o dedo quebrado deixo de vir treinar”, destaca dona Milta.

O time de vôlei adaptado de Pratânia começou suas atividades tímido, a maioria das pessoas não conhecia essa modalidade, mas bastou alguns treinos para todos se empenharem a cada dia.

Em janeiro, dona Milta e seus colegas do vôlei tiveram a oportunidade de vivenciar mais uma experiência única: participar de uma grande competição. Pela primeira vez na história de Pratânia, a cidade teve representantes na modalidade nos Jogos Regionais do Idoso – JORI.

“Foi emocionante participar do JORI, mas a gente perdeu e por isso fiquei triste. Mas eu sei que faz muito pouco tempo que estamos treinando. Nunca pensei que na minha idade poderia vivenciar uma experiência dessa. E esse ano vamos treinar mais para participar de outras competições”, destaca Dona Milta.

Os treinos são realizados às quartas-feiras e quintas-feiras das 8h às 9h e na sexta-feira das 15h30 às 16h40. Podem participar pessoas com idade a partir de 50 anos. Para mais informações, basta procurar a Diretoria de Esportes e Lazer no ginásio de esportes.

E se você está em dúvida se deve começar ou não a praticar atividade física confira a recado da Dona Milta. “Não tem esse negócio de que é mais velho não pode fazer nada, eu vou jogar vôlei até quando conseguir. É preciso pensar diferente. Vem um dia para ver como é o treino, conversar com as pessoas que jogam, é muito gostoso essa convivência, faz bem para o corpo e para a cabeça também”, finaliza.

Liga de Vôlei da Melhor Idade de Bauru

O empenho dos atletas é tanto, que a Diretoria de Esportes e Lazer, está buscando novas oportunidades. Em fevereiro de 2018, a equipe técnica do Vôlei Adaptado participou do Congresso Técnico da Liga de vôlei da Melhor Idade de Bauru, visando a participação da equipe de Pratânia na Liga.

Com essa novidade, os atletas terão a oportunidade de participar de jogos amistosos e a cidade também recepcionará jogos da modalidade ao longo do ano.

curtir-facebook

 

 

Para ficar por dentro das notícias e informações da Prefeitura, curta nossa página no Facebook (Prefeitura de Pratânia)

Sobre Bruna Zechel

Jornalista formada pela Universidade Sagrado Coração de Bauru. Especialista em Gestão de Mídias Digitais pela Universidade Metodista de São Paulo. Atuou em redação de jornal impresso como repórter, editora, revisora de texto e editora executiva.

Comentar

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Ir para o topo